Clínica de Drenagem Linfática

Drenagem pós-plástica: mais conforto, melhores resultados

12/09/2008 06:37

 

Drenagem pós-plástica: mais conforto, melhores resultados

11/09

Saiba como esse tipo de massagem ajuda no pós-operatório de cirurgias plásticas, proporcionando alívio e bem-estar

Alessandra Siedschlag e Ana Paula Xavier

 

O que é drenagem linfática?
Drenagem linfática é um tipo de massagem desenvolvida para drenar líquidos estagnados. “A drenagem é uma massagem feita para diminuir edemas”, explica o Dr. André G. Freitas Colaneri, cirurgião-plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

“Por meio de manobras específicas, drena-se o edema para os vasos linfáticos, responsáveis pela absorção do líquido. Assim, acontece um escoamento para a corrente sanguínea, e sua consequente excreção pela urina.”

A importância da drenagem depois de uma cirurgia
Em qualquer alteração física em que exista um edema, ou seja, um acúmulo anormal de líquido, a drenagem é superindicada: problemas de circulação, gravide e na recuperação pós-operatória.

Segundo o Dr. Colaneri, “a drenagem no pós-operatório propicia uma recuperação mais rápida, a redução da necessidade de punções e também melhores resultados”.

Aprovada por quem fez
A palavra que mais se ouve de quem fez drenagem depois de uma lipoaspiração ou uma plástica é “alívio”. Simone Marçal é uma dessas pessoas. “Após fazer uma plástica com lipo, ficaram uns nódulos, e a drenagem ajudou a dissolver. Depois de cada sessão, é um alívio incrível. Fiz dez sessões, mas teria feito mais se tivesse condição”.

Nathalie Sanz fez lipo e concorda com o fator “alívio”. Mas lamenta ter feito um pouco tarde: “Fiz uns 15 dias depois, mas me arrependi um pouco porque depois vi que algumas amigas foram liberadas pra fazer apenas três dias após o procedimento. Comecei a fazer três vezes por semana e desinchei muito, imagina, saí do hospital e não conseguia vestir uma calça 46. Depois de um mês e meio, já entrava no manequim 42”.

Como saber se a drenagem é bem feita?
O que mais se vê são pessoas se oferecendo como profissionais que fazem drenagem. Como com qualquer procedimento que se populariza, é bom ficar de olhos bem abertos e saber reconhecer um tratamento bem feito.

Primeiro sinal: a drenagem tem que ser leve. “Não é uma massagem modeladora. Eu costumo dizer que o toque é uma ‘asa de borboleta’ – o processo ocorre logo abaixo da pele, você consegue ver o líquido ‘andando’ em direção aos gânglios”, diz Celi Rinaldi, terapeuta corporal e massoterapeuta de São Paulo.

Outro bom sinal é a vontade de urinar imediatamente após a drenagem ou mesmo durante. “Tem gente que tem que parar a drenagem para urinar, duas ou três vezes durante o procedimento”, diz Celi. Prova de que o líquido está sendo excretado, e que a drenagem está sendo feita direitinho.

 

Fonte: http://beleza.ig.com.br/noticia/2008/09/11/drenagem_pos_plastica_mais_conforto_melhores_resultados_1759017.html

Voltar

Pesquisar no site

© 2008 Clínica de Drenagem Linfática.